DUB LOVE - Cecilia Bengolea ( França)

Em Dub Love, os bailarinos François Chaignaud, Cecilia Bengolea e Alex Cephus desmitificam a formalidade e a tradição do balé clássico. Em meio a um grande sistema de som, os três dançarinos, vestidos com collants cor da pele e com sapatilhas de ponta, experimentam gestos que parecem saídos de rituais religiosos ao som de um remix de dub e reggae criado pelo DJ High Elements. É a desconstrução do balé clássico dançado na ponta diante da música vibrante e impactante saída dos guetos.

 

Bailarino e historiador francês, François Chaignaud volta sua prática para a combinação de coreografias, música, canto e história. Suas influências variadas resultam em performances híbridas e intensas, que passam pela dança clássica e por expressões sexuais e espirituais. François colabora com artistas de diferentes áreas de atuação e países. Cecilia Bengolea é argentina, mas vive e trabalha em Paris. Tem particular interesse pela antropologia da dança, o que se reflete no caráter moderno e ao mesmo tempo primitivo de suas performances. Colabora com artistas contemporâneos, como Jeremy Deller (Inglaterra), Marinella Senatore (Itália), Dominique Gonzalez-Foerster (França), Monika Gintersdorfer e Knut Klassen (Alemanha). Juntos, Cecilia e François assinaram uma coreografia para o TanzTheater Wuppertal Pina Bausch em 2015.

Integrante da Programação do FranceDanse Brasil2016.

Concepção: Cecilia Bengolea, com a colaboração de Ana Pi e François Chaignaud
Performers: François Chaignaud, Cecilia Bengolea e Alex Cephus

Colaboração hip-hop: Ange Koué
MC em cena: MatDTSound (sobre música de High Elements)
Desenho de luz e figurino: Cecilia Bengolea e François Chaignaud
Administração e produção: Anne Reungoat / Jeanne Lefèvre
Difusão: Sarah de Ganck / Art Happens

Produção: Vlovajob Pru

Trabalho realizado no Festival FRANCEDANSE – Sesc Pompeia 2016