Thomas Ostermeier (Alemanhã)

Thomas Ostermeier realiza workshop e palestra no RJ.
Vinda do renomado diretor e dirigente teatral alemão é fruto de parceria entre o Goethe-Institut e o Sesc CopacabanaUm dos diretores e dirigentes teatrais mais renomados de sua geração, o alemão Thomas Ostermeier estará no Rio de Janeiro em 2017 para seu primeiro workshop na cidade. A iniciativa gratuita, viabilizada por meio da parceria entre o Goethe-Institut e o Sesc Copacabana, acontece entre os dias 16 e 18 de janeiro, destinada a expoentes da produção, criação e direção teatral.

Ostermeier nasceu em 1968, na cidade de Soltau. Construiu uma carreira precoce e singular. Em poucos anos, Ostermeier assumiu uma das mais importantes casas de teatro de língua alemã. Desde 1999, ao lado de outros nomes como Jens Hillje, Sahsa Waltz e Jochen Sandig, ele é encarregado da direção artística do teatro Schaubühne de Berlim, situado na Lehniner Platz. Desde então, Ostermeier realizou mais de trinta produções.

 

Além do teatro Schaubühne, ele também trabalhou no Festival de Salzburg, no Edinburgh International Festival, no teatro Deutsches Schauspielhaus de Hamburgo e no teatro Kammerspiele de Munique, entre outros. Ostermeier é conhecido por se deslocar entre o clássico e o contemporâneo, favorecendo uma abordagem realista. Repetidamente, abordou o tema dos desprivilegiados sociais: em Der starke Stamm (2002) de Marieluise Fleisser, em Música a pedido (2003) de Franz Xaver Kroetz, e em Woyzeck (2003) de Georg Büchner. A forma narrativa de contar histórias e a presença da linguagem corporal caracterizam as suas produções. 

 

Trabalho realizado no Sesc Copacabana no ano de 2017